Mr W. e seus 30 anos…

bday

E tinha brigadeiro? Tinha sim-senhor!

Sábado foi a comemoração do aniversário de 30 anos de Mr. W. O aniversário mesmo foi dia 16, mas como dia 19 ele teve show, e dia 12 foi a viagem de dia dos namorados (que aliás me lembra que tenho que postar sobre isso ainda :"> ) tivemos que adiar um pouco a festa, mas não podia falhar.

Aqui, o aniversário de 30 anos é um pouco mais significativo. É chamado de Big 30s o que eu imagino por ter a ver por ser quando normalmente os ingleses começam a ser considerados adultos. A maioria se dedica exclusivamente aos estudos até os 26, 27 anos, muitos começam a carreira profissional bem próxima dessa idade, e apesar de morarem fora da casa dos pais desde os 22-23 (senão mais cedo), os 30 são o que marcam a maturidade.

Nós ainda estavámos devendo outra tradição, a de fazer o house warming (festa de inauguração) , então resolvemos juntar as duas festas e chamamos os mais chegados para dar um pulinho por aqui.

A preparação começou mês passado, quando demos um gás na arrumação da casa, e finalmente consegui me desfazer da última caixa da mudança. Agora está tudo arrumado e no lugar, e como é bom ter uma vida organizada e quando querer uma coisa saber onde está! Fazia mais de anos que minha vida andava meio fora dos eixos, mas agora é só correr pro abraço.

Na quinta chamei ajuda profissional para limpar a casa que estava meio abandonada. Vieram DUAS, trabalharam 4 horas, e eu trabalhei mais uma para terminar o que faltava. As decorações eu comprei pela internet, assim como os petiscos e os bolos. Comprei massa de pão de queijo e Nescau pro brigadeiro na lojinha brasileira que tem aqui no bairro (sou a maior sortuda, tem 2 lojinhas aqui perto).

food

"Not just any food but M&S food" (Slogan do supermercado onde comprei as comidinhas)

Sexta-feira de noite fomos buscar os bolos e salgadinhos na Marks and Spencers. Como não conseguimos decidir por um bolo só, pegamos dois. Um sponge cake – que é bolo branco com recheio de creme e geléia de framboesa  – e um Capuccino. Os salgadinhos foram ingleses mesmo, Sausage Roll (enroladinho de lingüiça), Mini Scotch Egg (Ovo de Cordona cozido e coberto por massa de salsicha e frito à milanesa), Torta de Carne de Porco, Mini-Lingüiças e Mini-quiches (com 6 recheios diferents, incluindo opção vegetariana). Também na sexta a noite fiz o brigadeiro e o beijinho, e preparei o pão de queijo, que deixei no congelador. E enchemos as bexigas para só pendurar no Sábado.

Pois Sábado chegou, eu tive o sono meio agitado. Era a primeira vez que eu dava festa desse tamanho (os mais chegados acabaram sendo 23 pessoas –  4 cancelaram de última hora) , era a primeira vez que os amigos de Mr. W viriam conhecer a casa e eu confesso que estava uma pilha de nervos. As festas desse pessoal são normalmente super animadas, confesso que por culpa do álcool muitas vezes, e como nós não somos muito de beber, eu estava achando que eles iriam acabar achando a festa muito paradona, chata e iriam embora cedo.

Mas não tinha o que fazer, respirei fundo e planejei dar o meu melhor, e tentar ser uma boa anfitriã. Começamos o dia às 11 horas, enrolei os beijinhos, coloquei as decorações, Mr.W colocou o porta-casacos perto da porta (porta-casacos aqui é obrigatório!) e eu coloquei a sapateira (aqui eles costumam tirar o sapato pra entrarem em casa, por mais que a gente insista que não precisa). Demos a última ajeitada na faxina da casa, e fui me arrumar ficar bonitona e cheirosona pros convidados.

Mrs and Mr C com Baby Laura chegaram lá pelas 4 horas. Servi os petiscos, amendoins e batata frita (tipo Chips) E esperamos até 5:30 pra começarmos a colocar os salgadinhos no forno. Pronto, a partir daí o pessoal começou a chegar e minhas idas à cozinha e pro forno foram contantes. Duas rodadas de salgadinhos, de pão de queijo, e de pizza. Acho que fome o povo não passou, mas também sobrar muito não sobrou. Cortamos o bolo às 10:45!! Tinha gente chegando até as 10 da noite, e o último casal foi embora à meia-noite e meia. A TV (meio que contra a minha vontade) ficou ligada o tempo todo, assistimos o jogo de Rugby, um programa de questões (quiz show), vídeos da MTV e o DVD de Carnaval de 2007 (emprestado de Mrs MC :) ). O Carnaval o pessoal adorou, fizeram bastante perguntas, e todo mundo disse que gostaria de ir um dia, por parecer maravilhoso…

Mas mais maravilhoso foi o pão de queijo. Eu fiz só dois pacotes, o que deu um média 2 pães de queijo pequenos pra cada. E rasparam tudo em minutos. Gostaram do guaraná também, mas esqueci de servir a segunda garrafa, aliás, esqueci de servir as outras batatinhas que tinha, chocolates e after-eights. Também esqueci de oferecer café e chá. X_X

Mas acho que o saldo geral da festa foi positivo. Apesar da TV ligada, todo mundo conversou de boa, não teve briga e ninguém com cara de cansado ou entediado. Foi uma festa mais quieta que as outras, mas teve menos álcool, e muita gente trabalhou antes de vir e/ou iriam trabalhar no Domingo (normalmente eles dormem na festa). Os meninos foram para a cozinha no meio da festa (o que acontece em todas as festas, por algum motivo) e deram boas risadas. Consegui conversar com todos os convidados, mas gostaria de ter coversado mais, com tanta gente assim, sempre acabava sendo interrompida pra conversar com outras pessoas.

Perdi a virgindade de ser anfitriã, e acho que sou capaz de pegar gosto pela coisa e fazer mais festinhas por aqui. Principalmente no verão quando teremos o quintal para mais espaço pro pessoal poder se espalhar ao invés de sentarmos todos em volta da TV :P

Aprendi umas lições que não posso esquecer para a próxima vez:

– Fazer as comidas e deixar prontas e servidas antes do pessoal chegar. Ou no máximo dividir em duas rodadas, no caso de ter turminha chegando mais tarde. Isso vai evitar ter que ficar indo para a cozinha ao invés de dar atenção para os convidados. E também proporcionar mais fotos das comidas, dessa vez saía tão rápido da forma que nem dava tempo #:-S

– Mudar o layout da sala, para fazer de um jeito que ninguém fique de costas para ninguém e fique todo mundo apontado para a TV. O pessoal gostou desse jeito, mas eu senti que a festa demorou para “engatar”.

– Colocar umas cadeiras ou bancos na cozinha, se o pessoal vai pra lá mesmo, não tem porque não deixar uns lugares para sentarem.

– Fazer mais pães de queijo!

– Perder mais a timidez e falar mais com os convidados. Para evitar o branco na hora do nervoso e timidez, tentar lembrar o que conversei da última vez que os vi, e fazer uma listinha mental no dia anterior, para puxar assunto.

– Tirar mais fotos !! Fiquei com vergonha e meio sem tempo para fotos e estou me arrependendo amargamente por causa disso agora, da próxima vez vou tirar foto e num-quero-nem-saber!

– Foi ótimo ter seguido conselho de Mr. W, e utilizar somente pratos, garfos, copos e taças descartáveis. Hoje não demorou 10 minutos pra limparmos e arrumarmos a bagunça :-bd

Acho que o resto fizemos tudo direitinho. Três pessoas mandaram torpedo para agradecer da festa dizendo que foi ótima, então essa é todo elogio que eu preciso para me empolgar   \:D/

0 clique(s)

Como foi de Natal e Ano Novo?

Opa, a boa blogueira ao blog retorna. Mil coisas acontecendo e se resolvendo, mas tudo pro lado positivo, sempre!
E claro que não posso deixar de contar como foram as festas por aqui. Tudo lindo como sempre nessa Terra da Rainha, onde tudo é charmosinho nesse frio aconchegante.
Os planos eram a gente conseguir ver os amigos e depois partirmos pra Southampton pra casa dos pais de Mr.W mas a neve literalmente melou os planos, e tivemos que ir direto pra ‘Sóton’ pra não corrermos o risco de não conseguirmos chegar lá!

page1
page1

Pela primeira vez fui a um Christmas Carol (Coral de Natal). Foi bem pobrezinho, mas super bacana e me diverti muito. Como foi na noite do dia 24, que normalmente eles não fazem nada, ficou mais especial pra mim, que ainda sinto um pouco de falta da festança na noite de Natal :) Durou uma hora mais ou menos, num frio de rachar, mas valeu a pena. Guardei o livrinho de músicas, um dia desses posto sobre elas, porque o assunto rende que é uma beleza.

page3
page3

Mãe de Mr. W mandou muito bem na decoração como sempre. E um dos motivos da gente ter ido pra lá, foi pra ver as vózinhas de Mr. W também. Elas já são bem avançadas na idade, e moram relativamente longe de Surrey e Sóton. Uma das vózinhas tem Alzheimer mas estava super bem no dia, falante e sorridente. A outra vózinha é super lúcida, e um amorzinho de pessoa pra sentar e conversar. A última vez que as vimos foi no Natal de 2009, então não queríamos deixar passar a oportunidade, né?

page2
page2

E aqui é meio que tradição jogar algum jogo de família no dia de Natal quando todo mundo já está cansado de comer. Jogamos o Thinktangles. Um jogo bem bacaninha, onde você tem que achar uma imagem específica no meio de um monte de cartas com diferentes imagens! E jogamos o Trivial Pursuit edição de 19-e-lá-vai bolinha. Esse jogo é questões de conhecimentos gerais, e no final estavámos tão cansados, que começamos a soprar dicas pra quem era a vez, e o jogo virou uma farra!

page4
page4

E como não poderia ser diferente, comemos muiiito. Dessa vez a mãe de Mr.W comprou tudo pronto, de uma das lojas mais chiques de fornecimento de comidas para festas. Estava tudo divino! Apesar de aqui eles comemorarem o Natal no almoço do dia 25, a Dona J. fez uma ceia a noite pra mim, pra quando voltamos do coral. Para a ceia – que era para ter sido algo singelo – teve torta de veado (gostei, é bem gordurosa a carne, uma mistura entre carne de porco e de boi) com cranberries (uma espécie de cereja bem ácida), salmão defumado, seleção de queijos ingleses, compota de lagosta (que eu amei e comi tanto que eles me deram pra trazer o que sobrou pra casa) e batatas assadas. De sobremesa, teve Trifle, que é feito em três camadas. Uma camada bem fininha de bolo, uma de gelatina com pedaços de frutas, creme inglês e chantilly. Amo!
Na foto da mesa acima, vocês podem ver os crackers também, que estouramos no almoço do Natal, e dentro dele tem brindes, piadas e um chapel de papel crepom em forma de coroa pra todo mundo vestir na mesa e se sentir a família real :D
Os presentes são trocados na manhã de Natal, ou depois do almoço. Esse ano fizemos depois do almoço, mas antes ganhei as stockings que são aquelas meias de Natal que vimos nos filmes. A mãe de Mr W encheu ela de presentinhos fofos e deixou na porta pra gente pegar quando acordamos.

page5
page5

Passamos 3 dias lá, incluindo o Boxing Day que é o feriado depois do dia de Natal aqui na Inlgaterra. Dia 26. Como caiu em um final de semana, os feriados foram empurrados pra Segunda e Terça. Voltamos pra casinha pra aproveitamos um pouco aqui também. As decorações na foto de cima, são daqui :) Até os instrumentos de música entraram na dança.

SAM_2420
SAM_2420

O relógio de Bacon e Ovo foi uma das primeiras coisas que pensei em comprar quando compramos a casa nova. Mr. W me deu de Natal! :D/

page6
page6

“E Natal não é Natal sem RadioTimes”. Então, todo ano compramos a revista que vem com o guia de televisão das semanas entre Natal e Ano Novo. É meio que uma tradição no Reino Unido e todo mundo pega a sua cópia assim que sai quentinha. A nossa veio um dia antes do Natal, mas tá valendo :P
Alguns têm violetas, mas eu tenho Amarilis na janela. E acreditem se quiserem, mas compramos dois dias depois de nos mudarmos pra cá em Outubro e a primeira flor saiu no dia de ano novo! Ela já está gigante e com 4 flores! Amo minhas plantas :)

Por falar em ano novo, foi super bacana também. Como as meninas estão com bebezinhos e estavam cansadonas, a gente optou por irmos na casa de um dos amigos do Mr. W. A gente quase não vê eles, e uma das metas desse ano pra mim é reaproximar a tchurminha e me rodear de gente pra dar risada e jogar conversa fora. Foi uma delícia. Teve brinde com champagne e fogos no quintal (super raridade aqui, e apesar de não gostar do barulho dos fogos, me fez matar a saudade da celebração brasileira). Teve muitas risadas e conversa jogada fora. Também um saldo de mais 2 finais de semana seguidos de coisas pra fazer com eles – dois aniversários – um que já passou e um sábado agora :)

E no dia 3, que também foi feriado, pelo ano novo ter caído no Sábado, vimos as meninas e as bebês fofoletas, num restaurante Rodízio Brasileiro, o Rico, tava gostosinho mas sentimos falta da salada de batata com maionese pôxa!

Meta atingida! E mais metas sendo planejadas e concretizadas. Eita começo de ano bão sô!

0 clique(s)